CSN anuncia reajustes de 15% nos preços do aço

TradeMap – 20/05/2021

Os aumentos serão aplicados em toda a linha, sendo de 7,5% a cada mês

Equipe TradeMap

Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) divulgou nesta terça-feira, 18, que fará reajustes nos preços do aço nos próximos dois meses, de até 15%. O reajuste será em duas etapas, sendo aumento de 7,5% em junho e de 7,5% em julho.   

Segundo a companhia, esta alta consecutiva tem como objetivo facilitar as compras de clientes e do mercado, de um modo geral.

De acordo com o diretor executivo comercial da CSN, Luiz Fernando Martinez, a empresa (CSNA3) não possuirá mais contratos superiores a 3 meses com as montadoras.  

Segundo Martinez, tal decisão também irá ser aplicada para a linha branca. Além disso, ambas terão reajustes de aproximadamente 70% em julho. 

“Fizemos o último reajuste para montadoras e linha branca em janeiro de 2021. O preço precisa ser corrigido”, disse Luiz. 

Ainda nesta terça-feira, Carlos Loureiro, presidente do Instituto Nacional dos Distribuidores de Aço (Inda), informou à mídia que todos os aumentos anunciados neste mês pelas usinas já foram implantados

Em maio, a elevação esteve entre 10% e 18%. No ano como um todo, os reajustes somaram 52%.  Segundo o executivo, as produtoras já estudam novos reajustes para junho, a depender do dólar e dos preços no mercado internacional.